Votei em Dilma por erro da Urna Eletrônica

Mais uma vez a desgraça cobre-me de vergonha por um lapso monumental de quem só queria, vigilante, evitar que o mal petista prosperasse novamente através dos mil estratagemas ardilosos que tais asseclas mefistofélicos eram capazes de perpetrarem contra a democracia brasileira comandada pelos homens de bem. Assim sendo, na grande festa da democracia dirigi-me garboso às urnas para uma vez lá, fiscalizar a correção do pleito naquelas maquininhas esquisitas cujo o conteúdo oculto poderia nos trazer grandes surpresas desagradáveis.

Petistas espalharam cartazes dizendo que Dilma era 45. Uma fraude que nos deixou alerta

Uma vez dentro da cabine indevássavel comecei os procedimentos verificatórios para ter certeza que meu voto em Aécio Neves seria corretamente registrado pelo bem do Brasil, como certamente o faria a quase totalidade da população brasileira que quer o fim do domínio comunista no país. Neste importante momento só tinha uma certeza em minha mente, para evitar qualquer golpe dos enganadores, Dilma não é 45. Assim sendo, consultei a lista dos candidatos afixada na parede lateral da sala de votação para ter certeza que não haveria nenhuma indução ao erro por parte do sistema impresso e pude identificar a foto de nosso charmoso candidato Aécio, bem como doeu minhas vistas ao ver uma mulher insubmissa como sua concorrente, e centrei minhas atenções na urna electrônica. Primeiro, com todo cuidado, procurei ver se a foto de Aécio correspondia ao seu número realmente, o que pude constatar, tendo observado por quase dois minutos na tela do aparelhinho, em seguida, teclei cancela e recomecei novamente para ver se digitando o número da Dilma apareceria a foto dela ou a de Aécio, como eu suspeitava que fosse e, para minha surpresa, a foto correspondia ao número, aparentemente tudo correto, mas não relaxei pois sabia que estes sistemas electrônicos escondem a fraude até o último segundo para pespegar o eleitor.

A situação era tensa, mas minha mente superior não se dobrava às dificuldades que o momento impunha, e de posse de altos esquemas mentais binários tinha certeza que desta vez garantiria o voto correcto em Aécio das Neves e sem titubear, usando o princípio da exclusão da navalha de Occam, mentalizei o incorrecto para assim chegar a opção correcta; Dilma não é 45, logo Aécio é 13, no que fui guiado automaticamente pelos meus dedos em um ato de prestidigitação, como quem quisessem escapar de alguma fraude digital, apertei o confirma sem sequer olhar para a tela e quando ouvi o barulhinho da urna, firulim… firulim… me dei conta que tinha sido enganado finalmente pelo sistema complexo armado pelos bolchevista para este fim, no qual o mais esperto dos cidadão ficam vulneráveis, sendo induzidos ao erro maléfico para deleite do encardido e do coisa ruim. Mas não tive dúvidas, passei a mão no tubo de supercola  que trazia no bolso do terno e colei os números 1 e 3 para que ninguém mais naquela urna caísse nesse triste golpe e saí de fininho antes que os mesários com caras de petistas percebessem o ato.

Falhei miseravelmente e só me restou ir para casa esperar que os outros milhões, senão bilhões de seres humanos que lutam contra o comunismo não caíssem em tal golpe e votassem certo em Aécio, evitando-se assim o mal maior. Chegando em casa, desliguei o rádio e a TV e comecei a fazer as malas para voltar para a Suíça, onde espero por sorte receber boas notícias do Brasil. À Bientôt.

 

139 comments for “Votei em Dilma por erro da Urna Eletrônica

  1. Hans Heinrich Ernest
    28 de outubro de 2014 at 12:56

    Este ano não era o caso de chamar um fiscal para verificar as urnas, mas sim um exorcista. Havia muitas urnas possuídas.

    • Professor Hariovaldo
      28 de outubro de 2014 at 18:29

      É vero.

    • cleo
      29 de outubro de 2014 at 10:08

      rsrs…

  2. Sinhazinha KikaGando
    28 de outubro de 2014 at 2:21

    Ludibriado Mestre dos mestres, confrades e correligionários;
    desgraça, mil vezes desgraça! Pois comigo foi o avesso do avesso, trilhões de vezes pior.

    As teclas 2, 4, 5, 6, 7, 8, 9 e 0 da malditosíssima, infernal, violada, bolchevista-moluscosa-vermelhante urna também estavam grudadas, desta feita com epóxi -- que, como se sabe até no Louvre, tem a mesma cor das teclas de plástico barato made in Diebold-Procomp.

    Atônita e confusa, pedi auxílio aos universitários mesários, que simplesmente mandaram-me apertar o que desse e viesse. Ainda declarei o fato do pernicioso adesivo em altos brados, mas eles garantiram que sairia o Aécio na fotinha e que era para clicar no CONFIRMA; tudo sairia corretamente ao meu contento.

    Extremamente contrariada e com a fila gigantesca em apupos contra minha altiva pessoa, toquei com meus dedinhos levianos os únicos números libertos da maldição colante, em seguida o tal do CONFIRMA… e pumba! Fez-se a barbárie: a pilantra moscovita disparou o mesmo som malévolo firulim… firulim… que o Mestre ouviu.

    Sobrou-me escafeder do recinto em prantos e voar non-stop para Minas, onde a festa de arromba curral, na casa da phoderosa mana do varonil cãodidato Aécio, aguardava convivas da mais alta estirpe, como nós deste sítio, da Globo, da Veja e demais corjas benignas… Estava uma beleza! Aquilo sim é lugar de gente de benz, senti-me segura até que… A bomba explodiu, a derradeira esperança foi-se quando o também vendido à Cuba e Venezuela homem superior do TSE anunciou que nosso farináceo Aécio tinha ido pro saco, numa carreirinha de 3 milhões e tantos de gramas. Foi um tsunami de lágrimas convulsivas de todos os pontos cardeais do phiníssimo appartment. Restou-me o adeus.

    Agora em meus latifúndios longínquos, em minha banheira de minerais águas tépidas, com sais da Finlândia, aperto o silício e rogo a São Serapião que me perdoe, revigore as forças e arraste a peçonhenta usurpadora Planalto acima, digo, abaixo.
    Sem mais; adieu….

    • Professor Hariovaldo
      28 de outubro de 2014 at 5:40

      Choramos juntos.

    • PO Box 662
      28 de outubro de 2014 at 16:12

      KKKKKkkkkkkkkkkkkkk

  3. Cachorrinho Pulguento
    27 de outubro de 2014 at 23:22
  4. 27 de outubro de 2014 at 22:28

    Boa noite.

    Carissimi del bloghe Hariovaldianos do Cafofo I (Rident Castigat Mores)::
    Tem novo artigo, de minha autoria, lá no H2, onde, como no Filme “O Nome da Rosa“, Jorge, o sisudo, não preconiza o riso.
    O artigo, como não poderia deixar de o ser, escracha a Mônica do Planalto e os seus eleitores ‘ignorantes’, como bem frisou o mestre da ociologia, digo, da sociologia. Afinal, espertos são aqueles que preferem morrer de sede…
    Em tempo: levei a cola. Votei 13 Ehcim e 13 Eunício. Não levei cola acrílica, como fez o Professor Hari, e sim um inocente papel com um numeral 13 em algarismos garrafais e um coração valent., digo, vermelho. Só isso.

    Saudações “♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ Dilma, Vamos Para Cima. Vamos Fazer Política: Reformas Constituinte Exclusiva e do Judiciário, Urgentes; Lei da Mídia e “Paper Track” na Urna Eletrônica Já!“,
    Morvan, Usuário Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use Linux.

  5. lucianafujii
    27 de outubro de 2014 at 19:59

    Extrema irresponsabilidade sua fazer brincadeira sobre a segurança urna eletrônica quando sabemos que as urnas realmente são sujeitas a fraude. Acho que enquanto os resultados forem o que você quer tudo bem, né?

    • Professor Hariovaldo
      27 de outubro de 2014 at 20:44

      Né.

    • Prof. Julio Caezar Fregguezia
      28 de outubro de 2014 at 5:58

      Nem.

    • Ximene , a Búlgara Cor- de- rosa
      28 de outubro de 2014 at 9:21

      Neca…

      • Professor Hariovaldo
        28 de outubro de 2014 at 18:30

        Do Itaú, é claro.

    • Bracchiumulus
      1 de novembro de 2014 at 17:01

      Prezada Phabrycia. Todos nós aqui estamos concordando que estar urnas electrónicas são fraudes bolchevistas, criadas para enganar o mundo livre; não me admira venha todas as chamadas urnas com um vírus moscovita que faça com que o comunismo se espalhe mais e mais.

  6. ana
    27 de outubro de 2014 at 19:50

    Isso explica tudo. Na hora da reeleição eu cheguei a pensar que aecistas e demais coxinhas só existiam na internet.

  7. Rose
    27 de outubro de 2014 at 19:38

    Aniversário daquele peão de chão de fabrica que ousou desafiar a elite e se tornar Presidente da Republica .

    Vida longa ao eterno presidente .

  8. Anaximandro Xavier
    27 de outubro de 2014 at 19:25

    Eu leio muitos blogs mas nunca vi tamanha idiotice. Se enforque é o melhor que esse que si diz Prof. faz para o humanidade.

    • 27 de outubro de 2014 at 21:14

      O melhor Phabrício eh o que não enxerga.

      • Ramsés II
        27 de outubro de 2014 at 21:46

        Um Phabrício Anaximandro!
        O que significa “si diz”?

        • 27 de outubro de 2014 at 23:03

          Boa noite.

          Ramsés II (27 de outubro de 2014 at 21:46):

          Um Phabrício Anaximandro!
          O que significa ‘si diz’?
          “.

          Caro Ramsés II. Eu sempre acreditei que as notas musicais falam. Então, se Si diz, Lá e Mi ouvem, atentamente. Sol, Fá, Ré e Dó, não, pois estavam estudando partitura, em outro cômodo.
          Quanto a ‘Se enforque’, tanto o Anaximandro pode se referir ao Mestre praticar técnicas orientais de prazer bruxuleante como pode estar pedindo que ele se mantenha no enfoque. O R, no meio da palavra, seria então ‘Tipo’.

          Saudações “♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ Dilma, Vamos Para Cima. Vamos Fazer Política: Reformas Constituinte Exclusiva e do Judiciário, Urgentes; Lei da Mídia e “Paper Track” na Urna Eletrônica Já!“,
          Morvan, Usuário Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use Linux.

        • Sinhazinha KikaGando
          28 de outubro de 2014 at 2:33

          Piramidal confrade, creio necessitar a tecla SAP, pois que não saquei nada do li ali. Até recorrendo ao gúgóll deu isso:

          நான் பல வலைப்பதிவுகளை படித்து ஆனால் அத்தகைய அறியாமை பார்த்ததில்லை. நீங்கள் வைத்தால் அவரை தன்னை பேராசிரியர் கூறுகிறார் சிறந்த ஒன்றாகும் மனித நேயம் சார்ந்திருக்க முடியாது

          Continuo na mesma, oh lástima.

      • Cachorrinho Pulguento
        27 de outubro de 2014 at 22:54

        Cari$$imo Dr Araratinga

        O melhor Phabrício não eh o que não enxerga; eh aquele que não quer enxergar!

        • 27 de outubro de 2014 at 23:30

          Cacachorrinho,
          Hah limictes abstractos entre querer e não poder e ter poder de não querer, e ambos redundam em não querer poder ter o poder de querer poder enxergar. Ou não*.

          * Como diria Caê-chorrinho.

    • Verô
      30 de outubro de 2014 at 14:13

      Nem me fale, quanta palhaçada!!! Quero ver ele aparecer num jornal SÉRIO falando isso. Povo idiota que crê nessas lavagens cerebrais, moda ‘anti-PT’

  9. Leitor da Veja
    27 de outubro de 2014 at 19:11

    Para comentarista do Uncle King mineiros são medíocres e idiotas…

    Do blog do dito cujo (post de 27/10/2014às 6:37):

    Giuseppe Brandoni (27/10/2014 às 1:43 am):

    Mineiros como você s podem ser tão mediocres e idiotas votando na candidata que faudrou os ideais da Tradicional Família Mineira que com a paulista, exigiu que os militares, retirassem o regime das mãos do comunista João Goulart.

    Dilma é muito pio do que Jango.

    ,
    Mas nem todos concordam…j

    joselma (27/10/2014 às 1:25 am):

    Nos poupem! A diferença aqui foi de apenas 550.000 votos para que Minas Gerais seja responsabilizada pela vitória de Dilma e já que não prestamos não contem conosco na próxima.

    Já deu!

    Serra perde a culpa é de Minas Gerais.
    Alckmin perde a culpa é de Minas Gerais.
    Serra perde novamente e a culpa é de Minas Gerais.
    Aécio perde e a culpa é de Minas Gerai

  10. Coronel Lalado
    27 de outubro de 2014 at 17:49

    Caro prophessor D’Almeida Prado, demaes convivas, ungidos e seguidores

    Esptou certo que precisamos abandonar estas urnas eleptrônicas pheitas na china, que nem é preciso dizer é comunista. Os erros se avolumam com prejuízo para os homens bons.

    A melhor abordagem é aquela abordagem com desembarque! Que urna que nada!! Podemos phazer hum acordo com a IV frota, eles phicam com o pré-sal, para cobrir as despesas e com a aberptura dos mercados.

    Nós phicamos com o que nos interessa, nossa agenda de escândalos jornalíspticos, a chamada a lucta incansável contra a corrupção, PTralha, a reducção da maioridade penal, para negros e pardos, a vigilância policial garantindo uso cristão do ânus.

    Tão logo tenhamos agoas, podemos ensinar a pescar sem maes espta aí de dar o peixe com bolsa ispto, bolsa aquilo, minha coisa minha vida e por aí vai. Desta phorma, com espta nova abordagem, resolvemos todos os nossos problemas, o Brazil será ouptro.

  11. revenger
    27 de outubro de 2014 at 17:41

    O imperador Aécio já havia decretado: Dilma, vá procurar emprego em janeiro de 2015! Porém, como homem bom que é, ficou com pena de Dilma, uma senhora de sessenta e poucos anos, iria trabalha aonde!

    Então, num gesto nobre, deixou Dilma ficar mais um pouco. 2038 já está quase aí!

    Aliás, alguém sabe das obras da Copa? A última informação confiável que eu tinha é que ficariam prontas à tempo de Cerra 2038 vixe FgagáC!

  12. emerson57
    27 de outubro de 2014 at 16:50

    Professor tio Hari,
    V. sacrossanto voto estava correctíssimo!
    Aécio deu no UOL:

    Só falta dar em 2038 o ÇERRA45, fegacê viiiiiixe.

  13. Padre Quevedo
    27 de outubro de 2014 at 14:56

    Pois é. Aécio deu tudo prá Minas e recebeu só ingratidão. Vejam a seguir o lamento de Aécio.
    Outra nota. Tuminha esquece um pouco da “decência” que seu pai ostentava para o povo (só besta acreditava nisso) e investe contra os nordestinos no twitter. Chegou até a propor um muro prá dividir o norte e nordeste atrasado do sul maravilha. Esse patife nunca me enganou! Tá lá no Terra!

    https://www.youtube.com/watch?v=kE-RSEKRBw0

    • revenger
      27 de outubro de 2014 at 17:17

      Bobagem! Este muro sairia muito caro e haveria despesa também com a patrulha na fronteira!

      O melhor que fazemos é deixar a vermelhuda enganar o povo nordestino dizendo que tem água lá agora (o que sabemos que não é verdade. Lá sempre faltou água, enquanto aqui, abunda. O Alquamin fez certo em esconder a água).

      Muitos nordestinos voltarão pras suas terras secas (claro, muitos deles impediremos pois, ficaríamos sem mão de obra barata) e eles deixarão nossa região sul/sudeste-maravilha para nós homens bons e de benz!

      Só assim então, Mister Chayote, digo Mister Alquamin, de um reservatório secreto construído nos últimos vinte anos de governo tucano, abrirá as válvulas para nos brundar com a mais pura água cristalina, para voltarmos à lavar nossos carros, encher nossas piscinas, para que nossas empregadas lavem as calçadas, enfim, voltemos à normalidade!

  14. Padre Quevedo
    27 de outubro de 2014 at 14:38

    Senhores. Sabem o que é uma das coisas mais assustadoras que já ví? Na nova temporada de “walking Dead” tem uma cena onde os “vivos” se deparam com um monte de zumbis em lastimável estado (na nova temporada a maquiagem e os efeitos tão mais dramaticos!) se debatendo em um porão, cheio de água e resto de merda de esgoto, mas sem conseguir sair. Pois é. Tive a mesma impressão ao visitar o blog de zé das galinhas e ler seus “comentaristas”. Aquilo tá pior que o inferno de Dante (ou os walk dead falado): Espectros podres a uivar e dizer blasfênias, choro e ranger de dentes. Dá muita pena! Ou não, kkkkkkk!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.