Música tema da semana

Encerramos essa semana com chave de ouro ao som de Cazuza, em homenagem aos novos casais que se formaram.

20 comments for “Música tema da semana

  1. Ramsés II
    13 de outubro de 2013 at 16:15

    Boa mulher de bens, típica representante de nossa boa gente da sociedade de bens e benz, escolhe seus aliados políticos com os critérios filosófico-científicos da solidariedade cristã do bom capitalismo.

    São pessoas assim que nos enchem de orgulho, é nessas horas que as nações avançadas do primeiro mundo se curvam ante os Estados Unidos do Brazil!


    Narcisa

    Ai, que loucura! Narcisa esquece letra e entra no PSD achando que era o PSDB
    7 de outubro de 2013 | 03:13

    O fim de semana de troca-troca partidário não teve como estrela apenas Marina Silva e sua “aliança programática” com o PSB.

    A socialite Narcisa Tamborindeguy também mudou de partido, em apenas meia hora.

    Filiou-se ao PSD na manhã de sábado, mas logo vieram avisá-la de que tinha se confundido, pensando que estava se filiando ao PSDB.

    Esqueceu o “B”.

    Narcisa, como se sabe, é uma das ex-musas do “reality show” Mulheres Ricas, da Band e rival de Merval Pereira em produção literária: escreveu dois livros: “Ai, que Loucura” e “Ai, que absurdo!”

    Paris
    Ela também posou para fotos de colunas “sociais”, de cara pintada, nas manifestações de junho.

    E foi parar na revista francesa Paris Match como agitadora dos protestos, como você vê na imagem ao lado.

    O Brasil é uma maravilha. Pode tudo aqui, e ainda dizem que é “chavismo”.

    Ai, que absurdo! Ai, que loucura!

    • 13 de outubro de 2013 at 23:45

      É que narcisa acha feio o que não é espeio (esta seria uma rima não rica, mas palatável para o povão). Esquecer o b é bom alvitre, afinal, quase nade de bom começa com tal malfadada letra não é mesmo, provando assim que nem toda brasileira é “bunda” meu bem e nem todos rolam “bosta” para aparecer. Coisa de louco, como afirmaste, estimado Ramsés.

  2. emerson57
    13 de outubro de 2013 at 12:31

    circo de horrores no bananal !!!!
    blogueiro mentiroso e conmunista tenta reescrever a hestórinha.
    esse povo recalcado e repugnante vive para planejar o golpe .
    proponho aos ermãos na fé de serapião uma trezena para desopilar a memória do valoro$o patriota, “o kruel”
    aqui o linque do saite conmunista que já combatemos, só ainda não prendemos e arrebentamos:
    http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/10/13/bomba-kruel-traiu-jango-por-6-malas-de-dolares/

  3. Nilton Cursino Siqueira
    13 de outubro de 2013 at 11:43

    Carissíssimo conphrade. O senhor ainda não elogiou o grande editorial do jornal dos homens bons, defendendo a todos nós, homens de bens: http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,a-demagogia-da-mobilidade-,1084038,0.htm

  4. 13 de outubro de 2013 at 9:27

    Mestre Casamenteiro, Comphrades,
    O amor eh lindo! Quando o Cupido lança suas phlechas no coração, os pombinhos phazem grrrrú grrrrú, os passarinhos cantam piu piu, os sinos dobram belém belém, as phlores desabrocham e a manhã primaveril preenche noss’alma d’encanto.
    Marina e Eduardo nasceram hum para o outro. Há décadas que phlertavam. Agora, unidos para sempre, se tornam a segunda via, com magníphico, pharcto, contundencte projecto, constictuhido de três ponctos phundamentaes: …

    • emerson57
      13 de outubro de 2013 at 13:44

      PhD aratinga,
      pedroe a imnssollência pois ouso completar:
      “os pombinhos phazem grrrrú grrrrú, os passarinhos cantam piu piu, os sinos dobram belém belém, as phlores desabrocham”…… e a TV. phaz PLIM PLIM.

    • Vivi
      13 de outubro de 2013 at 20:59

      constictuhido?
      é a língua abrindo suas malhas à criativa-idade

      quanto à música tema para o casal de pombinhos phecchados, fico com a regra três

      http://www.youtube.com/watch?v=dVO6ZOb45oA

      • 13 de outubro de 2013 at 21:45

        Doce Vivi,
        Estou jovyal paca, meu, na onda do papo recto, tá sabendo?
        Observes a nova contagem regressiva, rumo ao segundo mil N1.
        Cardio ósculos.

        • Vivi
          14 de outubro de 2013 at 8:34

          Jovyal paca é uótemo! uma brasa, mora?
          e tio Hari vai que vai pros 2 mills -- vandallyzando com os hari-blocks
          bjss

  5. Fabricio Henrique Cardoso
    13 de outubro de 2013 at 0:25

    Homem bom perseguido pelo Chavismo petralha e largado em alto-mar pela boa mulher, voltará nos braços do povo e tomará a presidência do Brasil para nos salvar.

    http://www.brasil247.com/pt/247/goias247/117656/Renegado-Caiado-pensa-em-disputar-a-presid%C3%AAncia.htm

    • Padre Quevedo
      13 de outubro de 2013 at 11:13

      FHC

      Taí! Um boa opção para presidente, esse tal de Caiado. Só assim para que a mesa dos brasileiros continue farta de alimentos nobres: Soja, Cana-de-acúcar, frangos e vacas com aditivos, alimentos transgênicos. E as florestas? Ora f…..-se. O negócio é derrubar o que resta para fazer pastagens e campos de soja e “plantação” de gasolina. Afinal, floresta não se come.
      Mas essa candidatura só vale se for uma dobradinha com katia Breu. A verdadeira chapa puro sangue. Puro sangue dos Sem Terra.

      • Professor Hariovaldo
        13 de outubro de 2013 at 19:07

        Excelente. O Brasil que estava caído ficará Caiado.

  6. 12 de outubro de 2013 at 22:43

    Já que o tema de hoje é Cazuza, posso oferecer outra musica do poeta???

    Esta eu ofereço aos homens bons deste Brazil zil zil.

    http://www.youtube.com/watch?v=u3c5Kk1NQD8&feature=player_detailpage

  7. Joseph Hill
    12 de outubro de 2013 at 20:51

    Eram dois picaretas que se odiavam
    E na oposição se encontravam
    Pelas pesquisas os dois desabavam
    E farpas fartas então trocavam
    Sentados em riba do sepulcro Caiado
    O caveiro apaixonado ficava calado
    E pela caveira Marina de ciúmes ele morria
    E ela oportunista à ele sorria.
    Ao longe a coruja Dilma cantava alegre
    Ao ver os dois iludidos assim felizes
    E quando os dois se davam beijos fúnebres
    Dilma batendo palmas pedia bis
    Mas um dia chegou Serra de pé junto
    O eterno tucano vampiro defunto
    E a caveira matreira para ele piscou
    E o Dudu de ciúmes balançou.
    Enquanto isso Aébrio tomou uma bebedeira
    E casou-se de um modo romanesco
    Por causa dessa ingrata caveira
    Que trocou ele por um defunto fresco.
    http://www.youtube.com/watch?v=8WOTNBQoxO8

    • 13 de outubro de 2013 at 9:25

      Excelente historia fúnebre-eleitoral!

      Os amores… digo, as coligações eleitorais vem e vão… Porem, com toda a certeza eu afirmo: Nem caveira e nem caveiro! Somente o vampiro tucano terá a honra de ser derrotado no segundo turno pela coruja escarlate.

      • Muarina da Santa Inocência Hilária
        13 de outubro de 2013 at 10:30

        Isso mesmo! Nem mesmo a revolta de todos os cemitérios pode impedir! Quem volta Çerra45 não Herra!

    • 13 de outubro de 2013 at 9:37

      Poetíssimo Hill,
      Rymas não são para os phracos. A belleza da poesya está n’alma dos grandes. Estás entre os mayores. A Achademya Hariovaldiana de Hieroglyphos – AHH, sahuda o marco pohectico hystórico.
      Alvíssaras.

    • Vivi
      13 de outubro de 2013 at 21:06

      Bela criação, Mister Hill
      agora temos um ménage à quatre com a volta do vampiro!

    • 13 de outubro de 2013 at 23:51

      Ótima adaptação hodierna nobre Hill. Um slogan adequado para tal campanha seria “nós que aqui estamos, por vós esperamos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.